Sequelas

Tenho alguns amigos de quem sei que vou ser amiga até ser velhinha. Principalmente as minhas antigas colegas de casa, sem desprimor pros outros, mas a Marta, a Mafalda e a Tininha são como se fossem minhas irmãs.

O regresso foi também feito por elas, porque as quero acompanhar, aos novos desafios delas, sejam eles mudanças de filosofias de vida ou filhotes e maridos.
Sinto o mesmo que quando leio um livro e adoro os personagens e de repente o autor cria uma sequela. Tenho saudades destes personagens, quero saber o que lhes aconteceu, acompanhar o dia-a-dia deles, saber como lidam com as alegrias e com as contrariedades.
Regressar é então como ler a sequela.
E tal como nos livros, perdi 6 anos de aventuras. Não é possível ler mais que a sinapse destes, por isso há um esforço para poder ler a continuidade sem ter de saber os ínfimos detalhes, esforço esse que começou pelo facto de ter feito de tudo para viver o mais próximo possível delas. A Mafi vive em Coimbra, a Tininha em Mafra, mas vivo a 500 metros da Martinha. Foi condição sinequonone (escreve-se assim?) para a escolha da casa nova em Lisboa.
Tenho visitado a Marta, seu dedicado e amoroso esposo (de quem gosto a pacotes) e filhotas de quem já gosto como sobrinhas verdadeiras, o mais possível, digamos que mais ou menos de 15 em 15 dias me convido pra jantar, e não há uma única vez que não me sinta em casa.
Mas hoje foi a primeira vez que voltei a estar sozinha com a Marta e durante duas horas pusemos a conversa em dia, não sobre o porquê de eu ter voltado ou sobre como eu me sinto, não sobre como se portam as miúdas, mas sobre o dia de hoje, como é que correu o trabalho, sobre o futuro e coisas novas que fazemos, falamos sobre HOJE.
E de repente voltei a sentir-me como quando já vamos a meio do livro, e voltamos a estar embrenhados na nova história, coisa que só acontece quando o autor deixou de repisar no passado.
A questão que se levanta é: quanto tempo é que levamos a voltar a entrar na rotina dos outros, daqueles que deixamos pra trás quando fomos pra fora? Quão importantes são as pessoas que cá ficaram não é algo que se discuta sequer! Mas estarão eles preparados ora nos receber?
Nós estamos preparados para voltar e egoistas como somos, achamos que a vida só se passou pra nós, só nós é que tivemos emoções diárias provocadas por desafios constantes como encontrar casa, aprender um novo idioma, encontrar novos caminhos profissionais, enfim. Mas, e é óbvio, a vida de todos muda a uma velocidade estonteante, nós  como pessoas mudamos imenso, todos nós, não só a de alguns.
Então e agora regressados, começamos novamente! Mas qual o ponto de partida? O da há 20 anos ou o de há 6 anos atrás? Estaca zero? Queremos ler a sequela ou reler o livro antigo? E eles?
Estaremos nós, os que regressamos, preparados para deixar os livros antigos na prateleira? E eles?
Quanto tempo leva a cada um de nós, aos que fomos e aos que ficaram, para querer  ler uma sequela? 
Eu hoje descobri que, é, efectivamente, um enorme privilégio ter uma biblioteca cheia de livros encadernados em pele, mas eu adoro sequelas, e sabe-me mesmo muito bem deixar de reviver passados e ler sinapses aproveitando, e bem, o livro que tenho nas mãos, acabadinho de comprar, a cheirar a papel novo e por folhear. E sorte a minha, também eles querem. Mas nem sempre é assim, e eu tenho de me preparar psicologicamente pra isso. É um esforço de ambas as partes, não depende só de mim. E se hoje correu muito bem, dias haverá em que não será assim. E eu vou ter de me conformar, porque afinal quem decidiu partir fui eu, não foram eles. 
Nunca tinha pensado nisto.

5 comments:

  1. Tal como nos livros, existem personagens que ficam ate ao fim enquanto outras desaparecem, mas todas elas contribuem para o desenlace da historia. So o saberás com o tempo… Foi um prazer falar contigo durante a viagem de avião com destino ao Porto. Boa sorte com o teu "livro"!
    Marisa

  2. Olá Marisa!
    Sim, isso é verdade, todos contribuem. Mas há aqueles personagens mais marcantes em qualquer livro 🙂
    Foi um prazer também, e espero que tragas esse desenvolvimento todo da tua área masé pra PT que é pra ver se eu pra próxima não pago 990 biscas por uma consulta 😀
    Muitos beijinhos!!!

Responder a waterfall Cancelar resposta