Eu não consigo dimensionar a emoção!

Estou mesmo feliz caramba, encontrar um dos meus melhores amigos de adolescência, saber que está bem, que está inteirinho da silva e não lhe falta nenhum bocado, passar uma hora e meia ao telefone a matar um niquinho da imensa saudade acumulada durante 20 anos…não dá pra expelir tanta emoção. Eu bem quero escrever pra ver se a emoção se aquieta, mas não está a funcionar … 

O Tó! Encontrei o Tó!!! E falamos como se nos tivessemos visto ontem, continuamos a ser irmãos.
Sinto-me como se tivesse acertado na estrela do totoloto!!!

Deixar uma resposta