Sai um robe quentinho pra mesa 3 oh faz favor!!

A minha querida Maezinha encontrou em casa dela um robe que me ofereceu ha uns 4 anos e que eu nunca mais tinha visto. Posto isto decidiu oferecer-me algo que ela considerou bem mais util e mais uns trocos que vao dar pra eu compensar parcialmente as UGGs que os meus terroristas roeram.
Ora pois entao ca fica a foto e facam como eu: riam-se a bom rir!
E se o vosso coracao parar quando virem as botas, nao se preocupem, a mim aconteceu-me o mesmo. Depois passa.
O que importa e’ eu estar bem preparada pra ter sempre a casa impecavel pro mariduncho que nao tenho, qual anos 60. Nem a vossa avo’ bate a minha Mae aos pontos!

15 comments:

  1. Sim, sim, estou deserta por saber o que a Bobone considera possidónio! 😀
    O livro da Dona de Casa Perfeita tem umas dicas porreiras, mas mostra claramente que a tipa é uma control-freak do pior!

  2. Não sabia Sãozinha, o que sei é que tem lá receitas óptimas e muito simples de seguir. Eu achei-o muito giro, confesso, gostei bastante. O cooooonjunto é que deu cabo de mim 😀

  3. Tas a gozar… a tua mãe ofereceu-te estes… como chamar-lhes… "livros"? Seriously??
    hahaha a minha mãe também teve os seus tempos de genialidade, mas com roupa interior! Primeiro eram cuecas da avó (tremendas). Face aos meus uivos revoltados e depois de ter percebido que houve ali uma fase em que andei a experimentar material mais reduzido, passou a oferecer-me fios dentais que nem as raparigas aqui da red light se atrevem a envergar (é que nem 8 nem 80). A seguir a isso, em percebendo que ainda não tinha acertado, atirou para um lado que ela achou ser mais "criativo". Uns folhos, umas coisas rosa-choque, umas kittys (valha-nos deus). Por fim, lá achou por bem que o melhor era ser eu a ir à loja e escolher o que gostasse (haja final feliz) 🙂

  4. Juro que foi ela que mos ofereceu. Aliás, se conhecesses a personagem não terias estranhado nada 😀 Eu bem vos tento explicar, mas vocês não acreditam…. É como ter uma avó!
    A minha mãe tem imenso bom gosto pra roupa interior, por incrível que pareça, nunca se enganou no que me ofereceu nesse campo. Por isso é que lhe pedi o robe, pq ela ia poder comprar e gostar e eu também.
    Mas ela teve medo que eu não gostasse e em vez de ir comigo à loja (esse é o round 2 do boxe, compras em conjunto: não funciona!) deu-me o dinheiro. Mas como gosta de dar a sua alfinetada/achega, levei aqui com o livro da Bobone que até andei de ladex! 😀 Está tudo óptimo, é o que interessa. Grande beijoca pra ti e vivam os finais felizes 😀

  5. O da Dona de casa perfeita tem umas dicas porreiras,já o li quase todo, está bem feito. A moça até tem um blog se não tou em erro. É forreta até à quinta casa e mais organizada que qualquer virginiano com ascendente em Virgem!
    O da Bobone é a maior perda de tempo possível e imaginária, e o outro tem umas receitas antigas fixes e aquela pérola de texto que postei lá em cima. Delicioso!

  6. Por acaso até é bem fixe, tenho que confessar. Tem umas grandes técnicas lá escritas e está bem organizado. Vou escrever um post sobre isso pro ano.
    O único (aliás) que é uma bosta é o da Bobone que vinha juntamente com o público, uma cena assim.
    Beijos!

  7. OMG. Este ano mamã esteve bem, deu os dois livros que tinha pedido 🙂 Ela já desistiu da cena da dona de casa, sabe que eu não tenho o menor jeito…

  8. Izzie Maria, o pior está em que eu já tenho a casa organizada 😀 Não sou doente das limpezas como a moça do livro, mas sou muito organizada e cozinho bastante bem e sei perfeitamente como me orientar como Dona de casa.
    ELA (a senhora minha Mãe) é que ainda não veio à minha casa na Holanda, só veio quando vim pra cá viver e estava numa casa temporária. Depois disso nunca mais cá quis voltar, nem ela nem o meu Pai, senão já não tinha recebido estas pérolas.
    Estes livros foram um "à parte" a título de "recado" como se eu fosse uma pita rebelde de 15 anos. Some things never change. Além disso o meu Pai deu-me o segundo livro da Triologia do Ken Follet, tenho ali leitura pros próximos dois ou 3 meses, é tranquilo. E como disse, hei-de escrever um post sobre o da Dona de casa, mas olha que aqui até é jeitoso, dá umas dicas porreiras.

Deixar uma resposta